/ governosp
Biblioteca Parque Villa-Lobos

Evento Presencial

Segundas Intenções

27

novembro

11h

Bate-papo com convidado Tom Farias. 

Mediação de Manuel da Costa Pinto. 


Sobre o convidado: 

Tom Farias é formado em Letras, especializado em Literatura Brasileira, jornalista profissional, escritor, crítico literário, ensaísta, dramaturgo e roteirista. Publicou 15 livros, entre biografias, romances e ensaios literários, com destaque para os premiados "Cruz e Sousa: Dante Negro do Brasil", finalista do prêmio Jabuti 2009, e "José do Patrocínio: a pena da abolição", em 2ª edição. Autor dos romances “Os Crimes do Rio Vermelho” e “A Bolha”, escritos e publicados agora na pandemia. Há o inédito “Toda Fúria”. Publicou “Carolina, uma biografia”, finalista do Jabuti de 2019, com mais de 10 reimpressões, premiado pela Flup; e “Escritos negros: crítica e jornalismo literário” (2021). Como crítico, escrevi para "Poesia Sempre", "Ô Catarina", "Raça Brasil"; nos suplementos "Ideias & Livros", do Jornal do Brasil; “Pensar”, do O Estado de Minas; Folha de S. Paulo e revista QuatroCincoUm; "Prosa & Verso" e “Segundo Caderno”, de O Globo, onde atualmente escrevo. Conquistei prêmios da Academia Brasileira de Letras, Câmara Catarinense do Livro e a medalha de “Honra ao Mérito” do Governo do Estado de Santa Catarina (1998). Na dramaturgia, participou do programa “Espelho”, dirigido por Lázaro Ramos. Escreve para cinema e televisão, sendo consultor de Sylvio Back (cinema), Walter Negrão (televisão), entre outros. Na TV Cultura, ajudou a roteirizar os episódios da série “Os libertários”. Atualmente coordena o “Centro de Estudos em História e Literatura Afro-Brasileira” da Universidade Zumbi dos Palmares. É professor convidado do curso de Pós-Graduação em Relações Étnico-Raciais da Universidade Cândido Mendes. Coordena o curso de Pós-Graduação em Relações Étnico-Raciais: Estudos Afro-Brasileiros e Indígenas, na Faculdade Educamais e é Embaixador do Instituto Adus de Apoio aos Refugiados no Brasil. Possui diploma de “Cidadão Miracemense”, da cidade de Miracema, e título de “Mérito Legislativo”, da Câmara de Vereadores de Levy Gasparian. Em 2022 lançará 3 obras: “Confissões de um menino preto”, memórias; “Toda Fúria”, romance; e “O homem que parou o Brasil – A vida de João Cândido”, biografia. Faz parte do Conselho Curador do Grupo Folha de S. Paulo: “200 Anos, 200 Livros”, juntamente com Heloisa Starling (UFMG) e Sérgio Dávila (Grupo Folha). 

    Sábado27 de novembro, das 11h às 13h.  

    Presencial com transmissão ao vivo na página do Facebook da BVL. 

    Vagas limitadas preenchidas por ordem de chegada. 

    Cadastre-se e receba nossa newsletter