/ governosp

Oficina literária com Luisa Geisler estimula criação e busca pela palavra certa

0
Luisa Geisler. Foto: Desirée Ferreira.

Luisa Geisler. Foto: Desirée Ferreira.

Na Oficina de Criação Literária Escrever Eu Mesmo, ministrada em duas aulas, na semana passada, dentro da programação da BVL, a escritora Luisa Geisler usou exercícios para despertar a imaginação e a criatividade dos alunos. A partir de estímulos sonoros e visuais, os participantes produziram textos e alguns deles foram comentados. Compareceram à primeira aula cerca de 70 pessoas, muitas de fora de São Paulo.

Após uma introdução em que expôs como seria o andamento da aula e do curso, Luisa disse que não se tratava de buscar erros e acertos. “Segundo Bob Ross, um pintor americano que morreu em 1995, não existem erros, só acidentes felizes”, brincou ela. Entre os três exercícios dados, o primeiro a partir de uma música, o segundo a partir de uma foto e o terceiro a partir de uma situação, a escritora apontava algumas limitações ou obrigações na hora de escrever os textos.

Em uma das tarefas, Luisa pediu para “responder à pergunta: ‘Por que ela disse que bebeu uma cerveja no almoço?’ Pode: investigar se é uma mentira, descrever a cena e narrar a cerveja, descrever que tipo de pessoa diz que bebe cerveja no almoço, pode ser mentira ou não. É responder a pergunta, seguindo a trilha que te chamar. Se tua trilha é mentirosos, vai nos mentirosos; se tua trilha é nos alcoólatras, vai nos alcoólatras. Pode ser uma frase? Poder pode, mas eu tentaria investigar mais.”

Entre outras coisas, Luisa buscava dos alunos, além dos textos, cuidado na busca das palavras, ponderação na hora de narrar, escolher quando descrever uma cena e outros pontos importantes. “Palavras tem sentidos diferentes, precisão, sonoridade, evocações próprias”, reforçou ela. Daniel Ricci Araújo disse: “O problema de escolher as palavras é que hoje acho que escolhi a melhor, e amanhã descubro outra… Em um loop infinto”. Já Diego Pereira da Silva ponderou: “Eu tenho essa dificuldade da palavra certa e da repetição, cacofonia, me preocupo muito com isso e comecei a usar um dicionário de sinônimos.”

Compartilhe

Deixe um Comentário

Ouvidoria Transparência SIC
Doe Máscaras