Morre José Mojica Marins, o Zé do Caixão, aos 83 anos; leia sobre ele na BVL

0

Morreu nesta quinta-feira, em São Paulo, o ator, diretor e produtor José Mojica Marins, aos 83 anos. Ele estava internado no hospital Sancta Maria Maggiore, para se tratar de uma broncopneumonia. As informações foram confirmadas ao jornal “Folha de S. Paulo” pela filha de Marins, Liz.

Da infância humilde nos subúrbios de São Paulo até a consagração internacional, Mojica escreveu, dirigiu, produziu e atuou em mais de trinta filmes, como os clássicos “À Meia Noite Roubarei Sua Alma”, “Esta Noite Encarnarei No Teu Cadáver” e “O Despertar da Besta”. Ele aprendeu a fazer cinema sozinho, usando os recursos disponíveis e formando seus próprios técnicos e atores.

Sua história é contada pelos jornalistas André Barcisnski e Ivan Finotti em “Maldito – A vida e o cinema de José Mojica Marins, o Zé do Caixão”, publicada originalmente em 1998, pela editora 34, e que estava há muito tempo fora de catálogo. Em 2015, a Darkside lançou uma nova edição, ampliada, e com acabamento de luxo. Exemplares da primeira edição estão disponíveis para leitura e empréstimo na Biblioteca Parque Villa-Lobos.

Também de Marins, uma obra de seu lado menos conhecido, como autor de livros infantis. “O livro horripilante do Zé do Caixão”, da Panda Books, reúne contos de terror feitos especialmente para a molecada. Este volume também está disponível para leitura e consulta nas bibliotecas de São Paulo e Parque Villa-Lobos.

Compartilhe

Deixe um Comentário