Confira a programação de dezembro na BVL

0

A Biblioteca de São Paulo (BSP), instituição da Secretaria da Cultura do Estado, gerida pela Organização Social SP Leituras (que consta entre as 100 Melhores ONGs do País), tem uma série de atividades gratuitas e destinadas para todas as idades, para quem está passando pela capital paulista, já está na cidade em férias ou para aproveitar o período das festas de final de ano. Contação de histórias, luau, clube de leitura, sarau e exposição marcam o mês. A biblioteca tem programação também na Virada Inclusiva: no domingo, dia 2, a Hora do Conto traz a Cia. Fantoccini apresentando “A lua, o macaco e o tambor”, de Arlene Holanda, com interpretação em Libras, às 16h.

Entre os destaques do último mês do ano está o Domingo no Parque, programa que leva as atividades que costumam ser realizadas dentro da biblioteca para o Parque da Juventude. No dia 16 de dezembro, das 11h30 às 12h15, teremos sessões do programa Lê no Ninho, atividade indicada para os pequenos entre 6 meses e 4 anos com seus pais ou responsáveis, e das 12h15 às 16h, sessões de contações de histórias com a Cia. Mapinguary.

Além da Cia. Mapinguary e Cia. Fantoccini, passam pela BSP, em dezembro, os seguintes grupos convidados para a Hora do Conto, sempre aos domingos, às 16h: Cia. Arte Negus, Agrupamento Teatral, Grupo Mãos de Fadas e Cia. do Tok Tok. Sextas-feiras, às 15h, as contações são realizadas pela equipe BSP.

Já o último Clube de Leitura de 2018 propõe o debate em torno de “Estrelas além do tempo”, de Margot Lee Shetterly, no dia 13, das 15 às 17h. O encontro, que trata não só a obra mas da trajetória de autores, é comandado pela equipe BSP e acontece no auditório da biblioteca. Para participar, basta chegar, não é necessário fazer inscrição. É só chegar e aproveitar também a Exposição A Zona Norte Conta suas Histórias, que tem abertura no dia 11, às 14h e visitação sempre de terça a domingo, das 9h30 às 18h30. A mostra reúne as memórias, em formato de textos e desenhos, contadas por moradores da Zona Norte de São Paulo. O grupo fez parte do processo de formação promovido pelo Museu da Pessoa com a equipe da BSP, que pôde aprender a metodologia de memória social e utilizá-la na coleta de registros orais, escritos e ilustrativos da história dos espaços, regiões e comunidades.

Em função das festas de final de ano, vale lembrar que a biblioteca estará fechada nos dias 25 de dezembro e 1º de janeiro. Mais informações sobre a BSP, acesse: https://bsp.org.br/

Confira o guia eletrônico com a programação da Biblioteca Parque Villa-Lobos, clicando aqui.

 

 

Compartilhe

Deixe um Comentário