/ governosp

18/08 – de Mediação de Leitura Acessível e Inclusiva

0

De forma prática e interativa, o encontro abordará o processo de mediação de leitura em contextos que envolvam pessoas com e sem deficiência. A partir dos livros em múltiplos formatos acessíveis desenvolvidos no âmbito do Programa Livros Acessíveis (SEDPcD/Mais Diferenças), serão tratados marcos legais, políticas públicas e conceitos relativos à inclusão de pessoas com deficiência em contextos educativos e culturais. Além disso, serão discutidas as características dos diferentes formatos acessíveis e estratégias e práticas pedagógicas relacionadas ao uso desses materiais. A atividade contará com interpretação em Língua Brasileira de Sinais. Indicado para Profissionais da educação, agentes culturais, bibliotecários, mediadores de leitura, profissionais de equipamentos da assistência social, educadores de organizações sociais, entre outros profissionais interessados. 

Com Carla Mauch, Danilo Santos e Mario Paulo Greggio.

Realização Mais Diferenças, em parceria com a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo.

 

  • Quarta-feira, 18 de agosto das 10h às 13h.

 

Carga horária: 3h – 1 encontro 

Atividade oferecida em formato online, ao vivo.

Vagas limitadas, preenchidas por ordem de inscrição.

Inscrições a partir das 10h do dia 10 de agosto pelo link bvl.org.br/inscricao

 

Sobre a Mais Diferenças:

Desde 2005, a Mais Diferenças desenvolve projetos voltados para o fomento da educação inclusiva e cultura, produzindo mais de 60 livros de literatura em múltiplos formatos acessíveis e formando mais de 3.000 pessoas em estratégias de mediação de leitura acessível e inclusiva. Para democratizar o acesso ao livro a todos, a organização participa de redes e fóruns, promove formações para educadores e monitora os marcos legais, além de produzir livros baseados nos princípios do desenho universal, ou seja, acessíveis simultaneamente a pessoas com diferentes tipos de deficiência e sem deficiência.

 

Compartilhe

Deixe um Comentário

Ouvidoria Transparência SIC