Jornalista Paulo Markun participa de lançamento de livro sobre Virginia Artigas

0

O jornalista Paulo Markun é presença confirmada no evento de sábado, 28 de setembro, na biblioteca. Venha você também participar das atividades dedicadas ao lançamento do livro “Virginia Artigas: histórias de arte e política”, escrito por Rosa Artigas, que acontecem das 11h às 12h10 na BVL.

Rosa é filha de Virginia e falará sobre a obra da mãe. Virginia dedicou-se à pintura, escultura, desenho, ilustração e aos cartazes. Ela faleceu em 1990 e fez ilustrações para livros, jornais e revistas. Sua exposição sobre tortura percorreu a Europa e ela participou de movimentos feministas no Brasil e no exterior, tendo contato, durante sua trajetória, com Bonadei, Alfredo Volpi e o arquiteto Vilanova Artigas (com quem se casou). Rosa é historiadora e trabalhou como organizadora dos livro “Paulo Mendes da Rocha v.1″, “Arquiteto João Walter Toscano”, “Caminhos da Arquitetura”, “Paulo Mendes da Rocha v.2″, “Caminhos do Elevado – memória e projetos” e “Vilanova Artigas”. Coordenou a pesquisa geral para os eventos do “Centenário de Vilanova Artigas” e o documentário “Vilanova Artigas: o arquiteto e a luz”, além do livro “A mão livre do vovô”. Por essas atividades, recebeu o prêmio Melhores de 2016 da APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte).  É parecerista e revisora técnica nas áreas de história do Brasil, história da arte, da arquitetura e das cidades.  Possui textos publicados em coletâneas, revistas e catálogos nacionais e estrangeiros.

Conheça os convidados para o bate-papo, que será mediado pelo jornalista Manuel da Costa Pinto:

Marco Aurélio Nogueira é professor titular de Teoria Política da UNESP. Foi diretor do Instituto de Políticas Públicas e Relações Internacionais-IPPRI desta universidade (2011-2015), em São Paulo. Atualmente, coordena o Núcleo de Estudos e Análises Internacionais-NEAI, vinculado ao Instituto. Colunista do Estadão e tradutor, trabalha principalmente com temas relacionados a reforma do Estado, democracia, sociedade civil, globalização e modernidade. Seu mais recente livro é As Ruas e a Democracia. Ensaios sobre o Brasil contemporâneo (Contraponto/FAP, 2013).

Marco Aurélio Nogueira. Foto: Arquivo pessoal.

Marco Aurélio Nogueira. Foto: Arquivo pessoal.

Christina de Castro Mello é arquiteta formada na FAUUSP em 1972, trabalhou com Paulo Mendes da Rocha em projeto de reurbanização do Bexiga, com Eurico Prado Lopes no projeto de Centro Cultural Vergueiro, em 1978 cria com Rita Vaz a empresa Teuba Arquitetura e Urbanismo onde trabalha até hoje elaborando projetos de arquitetura entre os quais a Livraria da Vila da Fradique Coutinho, a Orquestra Maluca do SESC de Itaquera, o restauro do Teatro São Pedro, inúmeras escolas públicas, vários projetos para o SESC (entre os quais, o SESC  Bertioga, SESC Jundiaí e SESC Birigui). Foi professora de projeto na Faculdade de Arquitetura da Belas Artes e da FAU Santos.

Christina de Castro Mello. Foto: Arquivo pessoal.

Christina de Castro Mello. Foto: Arquivo pessoal.

Paulo Markun é jornalista, escritor e diretor de cinema. Trabalhou na TV Globo, TV Record, Rede Manchete e TV Cultura. Nesta última, apresentou por dez anos o programa “Roda Viva”, além de ter presidido a Fundação Padre Anchieta (mantenedora da Rádio e TV Cultura).  Finalista do prêmio Jabuti por duas ocasiões, é autor de oito documentários e 12 livros. Entre as obras literárias destacam-se, por exemplo, “Vlado Retrato de um homem e de uma época”, “Anita Garibaldi, uma heroína brasileira” e “1961.  Que as armas não falem”. Atualmente  escreve a coluna “Em tempo”, no Jornal Folha de São Paulo, roteiriza e dirige séries documentais para TV.

Paulo Markun. Foto: Arquivo pessoal.

Paulo Markun. Foto: Arquivo pessoal.

 

Lançamento do livro Virgínia Artigas - histórias de arte e política

Compartilhe

Deixe um Comentário