Santinho (Luis Fernando Verissimo)

0

capa_o_santinhoEm “Santinho”, o autor narra a história cheia de humor sobre um garoto que aparentemente servia de exemplo para toda a classe — mas, para ele, ser bem-comportado em aula não era uma decisão sua nem nada de que se orgulhasse. Era apenas o seu temperamento. A Verdade é que ele era preguiçoso, nunca aprendia nada e vivia distraído. MAs em questão de comportamento, dez. DOna Ilka, a professora, que vivia no seu pé, sempre lhe lançando olhares de esguelha, certa de que ele não passava de um santinho do pau oco… Já em “Conversa” nos deliciamos com as mentiras que os estudantes diziam para os porteiros, para entrar como penetra nos bailes noturnos do clube da cidade, proibidos para menores de idade. Luis Fernando Verissimo resgata para o leitor episódios e personagens que fazem parte de uma época que todos guardam, com saudade, para sempre num cantinho da memória.

Compartilhe

Deixe um Comentário