Oficina Papum de Escrita incentiva criação de projetos pessoais

0

No sábado, 14, a escritora Índigo conduziu a Oficina Papum de Escrita com o objetivo de incentivar todos os participantes a encarar a folha de papel em branco e liberar a criatividade na hora de escrever. O encontro teve início com algumas dicas e o compartilhamento de experiências que a escritora foi adquirindo ao logo de sua carreira. Índigo falou sobre a importância de valorizar as ideias e encarar as críticas de maneira construtiva. Segundo ela, estes comentários, em especial, são os que nos ajudam a moldar os trabalhos e contribuem para atender a expectativa dos leitores.

DSC_9214

Na prática, a primeira coisa proposta para a turma foi fazer uma lista de temas de interesse. Pensando naquilo que nos gera prazer, cada participantes escolheu 10 assuntos e, destes, apenas um deveria ser selecionado para abrir subtemas e criar um conto curto. O resultado: a produção de contos feitos em apenas 20 minutos. Entre a vergonha e a insegurança, os participantes leram os textos, expondo cada produção às críticas da turma. O surpreendente: contos muito legais, com temas inusitados e uma troca de ideias que inspirou cada um a continuar escrevendo.

Para finalizar o encontro, Índigo sugeriu que os participantes fizessem um cronograma de escrita, criando um projeto de curto ou médio prazo de produção de contos baseados no tema escolhido em aula. Ressaltando a importância de sermos nossos próprios chefes, a autora distribuiu uma espécie de “contrato” que foi preenchido com as especificidades de cada projeto e devidamente assinado. Sendo assim, cada um terminou a oficina com um conto, um projeto de escrita e um “contrato”, símbolo de um compromisso pessoal de seguir escrevendo e encarando com mais leveza o papel que ficará cada vez menos tempo em branco.

DSC_9223

E você, gosta de escrever? O que acha de pegar as dicas, imprimir o contrato abaixo e criar seu próprio projeto de escrita em casa?

Contrato de escrita.

Compartilhe

Deixe um Comentário