Oficina online de xadrez dá exemplos de mates históricos

0
Reprodução.

Reprodução.

Com mais tempo em casa, diante do enfrentamento da pandemia, muita gente tem procurado meios de se divertir e adquirir novos conhecimentos pela internet. Pensando nisso, a BVL trouxe para o ambiente virtual aulas de xadrez com o MF Adriano Caldeira. A sequência de explanações no Facebook da biblioteca termina amanhã, sábado, 27 de junho, com detalhes sobre estratégia geral das aberturas e  convidada especial: Natália Liziane Vicenzi.

A atividade chamou a atenção de Joceline Zapp, que frequenta o Parque Villa-Lobos e inclui sempre a BVL em seu caminho por lá. “Esta live sobre chess me interessa, pois meu conhecimento sobre o jogo é muito básico e gostaria de desenvolvê-lo”, conta ela. “Acho muito interessante as opções de estudo e desenvolvimento virtuais/EaD, em especial em momentos de confinamento, mas ainda mais importante é poder usufruir no momento possível”, complementa. Joceline espera ver e rever as sessões, que, aliás, ficam disponíveis no nosso espaço no Facebook.

Sobre as aulas, Adriano começou com as regras e objetivo do xadrez (xeque-mate e casos de empate) e passou por exercícios de mate (em 1 e na oitava fileira), além de mates elementares (divididos em dois dias, inclusive). Amanhã será a vez de abordar a estratégia geral das aberturas. Tudo, em especial, preparado para jogadores iniciantes. Quem é de nível intermediário ou avançado tem opções em aulas no Facebook da Biblioteca de São Paulo.

Adriano explica que quando aprendemos xadrez começamos sempre abordando a estratégia e a tática: sendo a primeira o plano e a segunda configurando-se a execução do mesmo. O aprendizado tem início pela tática para depois chegar à estratégia, segundo ele. Os exercícios práticos e a visualização das jogadas, portanto, pavimentam este caminho dos primeiros passos no jogo e auxiliam a previsão de movimentos. Como salientou em aula, o que acontece é que vamos adquirindo algo como reflexos condicionados, com a memorização de jogadas, algumas delas históricas, de mates famosos por exemplo. “Aos poucos, vamos apurando também nossa visão espacial, ampliando e criando movimentos maiores, sequências”, acrescenta.

Quer saber mais sobre o jogo? Adriano reuniu uma série de dicas para enriquecer a navegação de interessados pelo xadrez em matéria que publicamos no nosso blog. Para conferir, clique aqui. Vale lembrar que as atividades presenciais da biblioteca estão suspensas, mas você fica por dentro das nossas atividades online aqui no site e nas redes sociais.

Reprodução.

Reprodução.

Reprodução.

Reprodução.

 

 

Compartilhe

Deixe um Comentário