No Dia Mundial do Braille, conheça nossa área de acessibilidade

0

Hoje é celebrado o Dia Mundial do Braille. O sistema de escrita e leitura em relevo foi criado pelo francês Louis Braille no início do século XIX. No acervo da BVL há diversos títulos em braille, entre eles, O Quinze, de Rachel de Queiroz, um clássico da literatura brasileira, que se refere a grande seca de 1915, vivida pela escritora em sua infância, e Negrinho do Pastoreio, uma lenda rio-grandense para o público infantojuvenil.

Além das publicações impressas em braile, a biblioteca dispõe de outras tecnologias de acessibilidade para pessoas com deficiência visual: leitor de audiolivro, scanner, ampliador de caracteres, teclado com letras destacadas e termofusora.

E, a partir deste mês, contamos também com óculos com tecnologia revolucionária que oferece independência às pessoas com deficiência visual, déficit de leitura, dislexia e síndrome de down.

Compartilhe

Deixe um Comentário