Coletivo EscreViver faz primeiro encontro de 2020 na BVL

0

O Coletivo EscreViver marcou para dia 15 de fevereiro, sábado, seu primeiro encontro do ano. E ele vai acontecer na BVL, marcando a primeira experiência conjunta da biblioteca com o grupo. A escritora, cordelista e poetisa Jarid Arraes foi a escolhida para dar início à série de encontros destinados ao público feminino e que visa propor discussões pertinentes, analisando obras literárias escritas exclusivamente por mulheres.

Jarid, que participou no final do ano passado do programa Segundas Intenções, estará por aqui, desta vez, para debater seu livro Redemoinho em dia quente. A obra reúne contos que misturam realismo, fantasia e crítica social e apresenta o cotidiano de mulheres, de uma forma, ao mesmo tempo, particular e universal.

Coletivo EscreViver

Você conhece o Coletivo EscreViver, que está à frente desta iniciativa? Naiara e Stefhánie são as mediadoras do grupo. Amigas, as duas começaram emprestando livros uma para a outra e falando sobre o que liam. Juntas, elas conheceram as obras de Stella Maris Rezende, Chamamanda Ngozi Adichie, Lígia Bojunga Nunes, Martha Batalha, Conceição Evaristo e de muitas outras escritoras. Em 2018, elas decidiram criar o Clube do Livro para ler em grupo com outras mulheres e conhecer mais literatura produzida por autoras. E foi assim que tudo começou. Agora, é a vez da BVL tornar-se palco desses encontros. O primeiro deles acontece, então, no sábado, dia 16 de fevereiro, das 14h30 às 17h30. As vagas são limitadas, preenchidas por ordem de chegada.

Quer saber mais sobre Jarid, a escritora convidada deste primeiro Clube EscreViver por aqui? Confira o bate-papo com a escritora no programa Segundas Intenções em dezembro de 2019 na BVL em: https://bvl.org.br/bvl5anos-jarid-arraes-fala-sobre-seus-caminhos-e-escolhas-como-escritora/

DSC_7108

Redemoinhoemdiaquente

Compartilhe

Deixe um Comentário